sábado, 15 de dezembro de 2007

Apenas entretenimento e não literatura

"O que significa que, apesar de sermos um país com fama de pouco ler, existe hoje uma minoria robusta que alimenta, e bem, o negócio do livro. Há quem afirme desses milhares de novos leitores, a maioria procura apenas entretenimento e não literatura, mas isso é entrar no campo dos relativismos."


Editorial, DN (14.12.2007)